13 de janeiro de 2005

Visita ao Abrigo da ABPA - 08.01.05

Olá pessoal!
Dia 08 deste mês fui ao abrigo com Márcia, sua mãe e Tati.
Foi uma visita muito produtiva: a gente deu banho em 3 filhotinhos com sarna (com sabonete especial), limpamos os olhos de Átila, e banhamos e passamos produto anti-carrapato em uma cadela adulta infestada que havia chegado ao abrigo há 2 dias.
A situação do abrigo é a mesma: muitos cachorros e gatos, e muitos animais doentes :-(
Para vocês terem uma idéia, do dia 06 para o dia 07 chegaram ao abrigo, simplesmente, 14 filhotes. Isso é triste, pois, como é sabido por todos, filhotes possuem poucas chances de sobrevivência por lá.
Falando do caso dos gatis de lá, um em específico nos chocou nesta última visita: uma senhora que foi despejada de sua casa por criar vááários gatos os transferiu para um dos gatis do abrigo há, pelo menos, 2 ou 3 semanas. Na visita anterior feita por Márcia eles já estavam lá, e ela ficou muito assutada quando ela entrou no gatil, e TODOS os gatos ficaram, simplesmente, olhando para ela.
Fato é que, segundo funcionários do abrigo, os gatos daquele gatil estão matando uns aos outros. No dia em que fui, encontramos um gato morto no gatil.
A partir de consulta feita por Márcia na lista dos Protetores Baianos, os especialistas em gatos falaram que eles estão matando uns ao outros por fatores de estresse, pelo fato de não estarem conseguindo demarcar território, e também, provavelemente, por histórico de maus tratos. Isso é triste.
E falando agora dos gatis de uma forma geral, fiquei impressionada como havia muito mais gatos do que da última vez que fui lá.
Viriato (o cachorrinho que foi atropelado, e que agora já anda com as patinhas dianteiras) está melhor, mas com muitas feridas. Márcia tirou as medidas dele para que fosse feita uma cadeirinha de rodas para ele :-)
É isso.
Até mais!

Um comentário:

b costa disse...

oi... gostaria de saber se você conhece algum abrigo que aceite gatos.

A universidade Federal da Bahia, está passando alguns problemas com uma grande concentração de gatos no campus de ondina.

Boa parte dos alunos não gostam do animais, e acabam por maltrata-los... assim sendo, a melhor alternativa seria enviando-os para um abrigo de animais, não acha?

ficarei de olho no seu blog, assim que puder responder, estarei aqui novamente.
obrigado