18 de janeiro de 2007

ADOTE O SPOT!



"Sou um cãozinho da raça labrador, tenho 7 anos.Passei a minha vida em uma fazenda em Morro do Chapéu, BA. Gosto muito de lá, principalmente pelo clima e a lagoa, que vivia fugindo da coleira para tomar banho.Sou bem forte, já fui picado por cobras 2 vezes; além de ter tido um tumor no pênis, passei por quimioterapia; já fiquei com necrose na pata devido à aplicação errada da quimioterapia, mas graças à bondade de algumas pessoas, minha patinha está perfeita (tirando um pouco de pêlo que ainda não nasceu na região)... Me recuperei de tudo.Bom, meu pai, na fazenda não cuidava de mim, não me dava banho, ração vagabunda, não tinha carinho, ficava preso em uma corrente no cabo de aço (o que ao menos me deu chances de me movimentar...), nem limpava meu espaço. Como ficava preso, não tinha como sair para me virar sozinho...Quando tive o tumor, fui levado ao veterinário (graças a insistência de meu "irmão", Rui) e começou a me dar a quimioterapia. Só que, para economizar tempo e dinheiro, resolveu levar a um de gado, que me aplicou a dose, sem diluir e não foi na veia, necrosando a minha patinha - podem ver no meu álbum. Ele passou a passar uma pomada muito boa para curar, mas ficava lambendo a ferida, pois coçava muito. Aí ele colocou de improviso um colar de couro para que não alcançasse, só que dei um jeitinho e continuei lambendo, então, só serviu para incomodar MUITO, já que não conseguia deitar direito, nem me alimentar, nem beber água.Meu "irmão" Rui, junto com minha "cunhada" Ciça, que gostam muito de mim, quando ficaram sabendo de minha situação, foram imediatamente me buscar. Graças a Deus, pois estava sem uma gota de água; em um lugar imundo; com aquele troço horrível na cabeça; não conseguia comer, eu estava muito fraco e com muita dor na pata, nem conseguia apoiá-la no chão... Imagino o motivo de terem chorado tanto ao me ver... Eu estava muito mal! Eu, que sempre pesei uns 40kg, estava com 16kg. Por sorte levaram um pouco de ração muito gostosa para mim, me deram água, carinho, me colocaram dentro de casa, fizeram curativo em minha patinha e saímos de madrugada para pegar o veterinário abrindo as portas da clínica. Acho que não ia resistir por muito mais tempo...
Bom, em Salvador, o veterinário (Dr. André) ficou espantado com o meu estado. Fiquei internado na clínica por uns 45 dias. Deve ter saído caro, mas sei que algumas pessoas se juntaram para me ajudar.Pois é, já estou com quase meus 40kg de volta, minha pata está quase que totalmente curada, tenho um lar temporário muito bom, limpo, recebo carinho , como bem, mas... Todos têm que entender que não sei dividir a atenção que estou recebendo, nunca tive carinho... Ficava sempre sozinho, no escuro lá na fazenda. Em um certo momento, tive que dividir o que estava recebendo com um poodle, Toby e não gostei. Acabou que mordi o\n bichinho no pescoço e foi muito difícil tirarem ele da minha boca. Por sorte, ele só levou uns pontos, mas já está bem. Ele, sei que não guardou ressentimento, pois vem me visitar no canil sempre que consegue escapar. A gente brinca, mas vejo que todos ficam apavorados e tiram ele de lá. Isso fez com que não quisessem que eu continuasse nessa casa (a da minha "cunhada"), pois têm medo que eu acabe ferindo um dos cachorros que tem lá. Todos gostam muito de mim, estão muito sentidos, eu sei, mas a rotina da casa teve que mudar totalmente depois que cheguei, inclusive meus irmãos adotivos (Toby e Naomi) estão sendo prejudicados, pois vivem presos dentro de casa, que tinham sempre um terreno enorme para ir na hora que quisessem. De pirraça, Toby tem feito xixi pela casa toda, o cheiro é horrível!Então, criei meu perfil no orkut para ver se encontro um lar para mim... Lá para a fazenda não quero voltar, nem ninguém vai deixar. Meu pai quer que eu volte, mas nem um cercado\n para me livrar do cabo de aço quer construir.Sou bem alegre, forte, bom para guarda (passo a noite inteira acordado), companheiro, carinhoso, fiel, inteligente. Fujo um pouco do padrão da raça pela vida que levei. ME AJUDEM!
Contato: pilarcalvinopadin@yahoo.com.br

Um comentário:

Pilar Calvino disse...

FOI ADOTADO!...21/01/07